30 de setembro de 2012

O anjo

Chloë Agnew - Angel's Song

Purificando as noites através de movimentos sutis.
Os sentidos se modificam, as razões se intensificam.
Cada sorriso que fica.
Não há mais contos malditos. 
Só poesia bruta a se transformar em diamante lapidado.
É sorriso sincero.
E olhar singelo.
É puro.

11 de agosto de 2012

A menina dos olhos

O vestido flutuante, florido, delineando as curvas fazia contraste no centro paulistano...
As pintinhas no rosto, o cabelo, o olhar inocente e a boca aveludada lambendo um sorvete...
Era de matar o velho, ouvindo música de todo o tipo e querendo ser gente grande...
Brincava com a sorte, com a morte e com o coração do psicólogo...
Toda a praça se voltava pra ela, o seu ego inflado, inchado, borbulhando prazer...
E os mocinhos piscavam, as meninas caiam da bicicleta quando ela passava cantarolando e cheirando as flores que carregava nas mãos...
Ela jogava a vida pro alto, curtia o mundo e brincava de ser feliz...
Seu sorriso cativava, sua inteligencia escandalizava...
Era Lolita, era atriz...
Eu me perdi no tempo...
Soltei lágrimas, revivi aquele sentimento tolo...
Eu ficava besta, um velho sem vergonha, com as mãos nas calças... não posso e não devo dizer tais coisas.
Mas era bela, a vida dela... Ah! como era bela...

Meus dias, anos e horas se passaram, eu larguei do mundo e fui viver enclausurado...
Todo dia eu pensava "porque a deixei ir tão fácil?"
E me lembrei q era muito jovem pra viver o que eu queria...
Eu realmente não podia.

Agora ela volta mulher, com olhar de menina...
E eu vejo o quanto os prédios fazem diferença...

1 de julho de 2012

Passado, Presente, Futuro

Pretérito imperfeito. Não mais que a perfeição da criação. A humanidade se torna lixo espacial em um curto espaço de tempo.

Durante esse tempo todo ausente, só fiz pensar em coisas que já fiz, que faço e que pretendo fazer... nossa vida se resume a isso. Fazer coisas. Pra que? Difícil saber e explicar.
Na verdade, o difícil mesmo é entender qual o principal objetivo de tantas mudanças e alterações na vida de cada um.
Os gostos, os movimentos, os jeitos e as palavras. Tudo muda com o tempo. Ninguém sabe o porque e nem como.
Cada experiencia que se passa, com cada pessoa que se conhece, vem a ser um aprendizado. De forma boa ou ruim, aprendemos de alguma maneira. Mas mesmo assim, com o tempo, tendemos a esquecer a experiencia, a pessoa e o aprendizado, fazendo com que mais uma vez a situação se repita, com pessoas parecidas ou semelhantes. Um ciclo vicioso e inconstante, diferente para cada ser.
Durante a vida toda nossas escolhas definem onde iremos chegar. Nem sempre tomamos a decisão mais correta, mas se percebemos a tempo dá pra consertar. Ou pelo menos pra mudar o rumo das coisas tomando novas decisões.
A transformação é, em todo caso, inevitável.

No decorrer dos tempos, a humanidade se transformou de forma relevante para a dita "evolução", transformando lugares, coisas, mentes e crenças. Tudo de forma intensa e rápida.
Então, me pergunto porque não apressar certas transformações em um vida simplória. Não é tão difícil se empenhar para isso.
Se não estuda, passe a estudar, se não trabalha, procure um emprego até achar, se não tem crenças, se esforce um pouco e encontrará a fé, se não sabe amar, procure amar a si mesmo. São ações simples que todo ser humano sabe fazer.
Aliás, ações de todo o tipo são fáceis para a máquina mais perfeita da criação.
Essa máquina, vem se desenvolvendo a cada dia, provando que nenhuma outra a supera. A máquina "humano", criada por Deus, é tão complexa, que não podemos entende-la  por completo.
Esse assunto se desenrolaria por extensas páginas... Dá pano pra manga...
Não cabe a mim, ou a você, definir com extrema exatidão as transformações de cada um...
Mas há de saber que cada um se transforma, alterando todo o curso da vida...
E devemos sim, refletir sobre cada transformação em nós e ao nosso redor. Procurando tomar as decisões corretas e os caminhos mais sábios...
Haverá um dia em que saberemos onde é que vamos chegar.
Presumir é para os tolos.